advertising

Mercados precificam alta probabilidade de cortes nas taxas do Fed em 2024

Mercados precificam alta probabilidade de cortes nas taxas do Fed em 2024

Os mercados financeiros estão cada vez mais precificando a possibilidade de cortes nas taxas de juros pelo Federal Reserve (Fed) dos Estados Unidos a partir de março de 2024.

advertising

De acordo com a ferramenta CME FedWatch, a probabilidade de um corte de 25 pontos-base nas taxas do Fed em março de 2024 é de 85%. A ferramenta também aponta para uma probabilidade de mais de 150 pontos-base de cortes nas taxas ao longo do próximo ano.

Esses movimentos nos mercados financeiros refletem as expectativas de que a inflação nos Estados Unidos esteja começando a arrefecer. O índice de preços ao consumidor (CPI) dos Estados Unidos subiu 7% em novembro, abaixo da alta de 7,5% registrada em outubro.

Um arrefecimento da inflação reduziria a pressão sobre o Fed para continuar subindo as taxas de juros. No entanto, o banco central dos Estados Unidos ainda precisa estar atento aos riscos de inflação de base ampla, que podem persistir por mais tempo.

O euro EURUSD, por sua vez, estava a subir 0,1% para os 1,1053 dólares, tendo atingido um máximo de quatro meses nos 1,1055 dólares. A moeda única está a subir quase 3% no ano e está a caminho de um terceiro mês consecutivo de ganhos, igualando o resultados que teve no ano passado.

advertising

O iene japonês USDJPY enfraqueceu 0,1%, para os 142,52 por dólar, e está a caminho de uma queda de 8% no ano. No entanto, a moeda asiática tem registado uma força nas últimas semanas, reflectindo as expectativas de que o Banco do Japão abandonará em breve a sua política ultra-leve.

advertising