advertising

Empiricus indica criptomoeda ligada à Inteligência Artificial que disparou de US$ 0,20 para US$ 2 em 12 meses

lote de criptomoedas cripto bitcoin
Imagem: Pixabay

Uma criptomoeda ligada ao segmento de inteligência artificial vem chamando a atenção de especialistas em ativos digitais.

advertising

Isso porque a valorização apresentada pela criptomoeda nos últimos tempos foi extremamente relevante. O criptoativo saiu de 24 centavos de dólar para US$ 2,84 nos últimos 12 meses (a contar de 17 de janeiro de 2023 até 17 de janeiro de 2024).

O retorno entregue pela criptomoeda alcança os 1.083% de valorização. Em outras palavras, quem investiu apenas R$ 1.000 nela e manteve o investimento durante todo o período de valorização tem hoje na conta mais de R$ 10 mil. 

Quem foi além e colocou R$ 5.000 pôde começar 2024 com mais de R$ 50 mil sem ter que levantar um dedo para multiplicar esse dinheiro.

Para colocar em perspectiva, a valorização é cerca de 70 vezes maior que a do Ibovespa no mesmo período e 11 vezes superior à do Bitcoin.

advertising

Embora sejam valores relevantes capturados em um curto espaço de tempo, há quem diga que o ativo digital deve alcançar valores ainda maiores no futuro. 

Paulo Camargo, especialista renomado do universo cripto, é um deles. O ativo digital, que já estava na carteira recomendada de Camargo, recentemente foi ‘promovido’ para o seu principal projeto do ano: uma carteira exclusiva com foco na multiplicação expressiva do capital investido.

Trata-se de uma criptomoeda que oferece soluções para a computação em nuvem, fundamental para o desenvolvimento da Inteligência Artificial e para o bom funcionamento de ferramentas como o ChatGPT.

Esta criptomoeda integra lista que pode te ajudar a ficar milionário no ciclo de alta atual

Anualmente, o especialista e a sua equipe reúnem as principais indicações do universo cripto com um objetivo: montar um portfólio que possui potencial de gerar R$ 1 milhão em lucro para os investidores.

A carteira é composta por diversas criptomoedas. A ideia do especialista é montar uma diversificação inteligente para poder surfar no iminente ciclo de alta em que o mercado de cripto parece ter entrado.

Por isso, a carteira do especialista não contém apenas Bitcoin e Ethereum, embora essas sejam, naturalmente, duas de suas principais posições. O plano aqui é ir além e adicionar ativos menores capazes de multiplicar o dinheiro investido por inúmeras vezes.

A nova estrela da carteira é um grande exemplo disso: em apenas 12 meses, ela multiplicou o dinheiro investido por 10 vezes. 

Se você quiser dar uma olhada na carteira com todas as indicações do especialista, basta clicar neste botão. As instruções serão encaminhadas para o seu e-mail.

O especialista acredita que quem possuir estas criptomoedas ainda em janeiro poderá multiplicar o dinheiro investido por inúmeras vezes – quem sabe até mesmo ficar milionário. Motivos não faltam para as criptomoedas dispararem.

ESTA LISTA DE CRIPTOMOEDAS PODE TE DEIXAR MILIONÁRIO; VEJA AQUI

‘Canetada’ da SEC pode fazer com que alguns criptoativos decolem

Um dos principais gatilhos de valorização do ano para as criptomoedas foi disparado recentemente. 

A Blackrock, maior gestora de ativos do mundo, teve o seu ETF de Bitcoin aprovado pela SEC (a “CVM” americana).

Além dela, outras 10 instituições também tiveram os seus pedidos aprovados, incluindo a Fidelity e a brasileira Hashdex.

Isso é importante, pois investidores institucionais dos EUA poderão finalmente colocar os seus trilhões de dólares na criptomoeda por meio de um veículo regulamentado e negociado em Bolsa.

Tal volume de investimento deve impulsionar o valor do Bitcoin nos próximos meses e, com isso, arrastar todo o mercado de criptomoedas junto com ele – já que o BTC é o principal ‘maestro’ do criptomercado.

Isto é, quando ele sobe, outras criptomoedas menores tendem a valorizar inúmeras vezes mais. Já quando ele desvaloriza, inúmeras vezes menos.

Essa dinâmica pode ser observada na prática com a criptomoeda citada no início deste texto. Como disse, o ativo digital subiu 11 vezes mais do que o Bitcoin nos últimos 12 meses.

Isso acontece porque o Bitcoin já é muito grande e valioso, impossibilitando valorizações expressivas para os seus investidores. 

É por isso que em momentos de alta do mercado, é interessante investir em projetos menores com potenciais maiores. 

Esses projetos tendem a superar a valorização do Bitcoin em inúmeras vezes, como foi o caso da criptomoeda que subiu 1000% em 12 meses. Agora, caso o Bitcoin dispare novamente, ela – e outras criptomoedas menores – poderão dar novos saltos ainda maiores ao longo dos próximos meses. E esse não é o único fator que anima os especialistas.

ESTA LISTA DE CRIPTOMOEDAS PODE TE DEIXAR MILIONÁRIO; VEJA AQUI

‘Alinhamento de astros’ faz especialistas acreditarem que novos milionários serão formados nos próximos anos

Além da aprovação do ETF de Bitcoin pela SEC, em 2024 acontecerá um evento importante no protocolo do Bitcoin denominado Halving.

O Halving nada mais é do que uma atualização programada para acontecer a cada 4 anos no Bitcoin. Ele ocorre para controlar a inflação da criptomoeda.

Para isso, ele corta pela metade a produção de novos bitcoins, tornando cada vez mais difícil minerar novas unidades da criptomoeda.

A atualização causa um verdadeiro ‘choque’ na oferta de bitcoins – afinal, a partir do momento que são minerados menos bitcoins para uma demanda cada vez maior, é natural que o seu valor aumente.

É por conta dessa dinâmica que o Bitcoin, historicamente, dispara todas as vezes após novos halvings, como você pode ver no gráfico abaixo:

Fonte: Pantera Capital

  • O primeiro Having aconteceu em 2013 e fez o valor de mercado do Bitcoin multiplicar por 93 vezes em apenas 12 meses;
  • O segundo Halving ocorreu em 2017, fazendo o Bitcoin multiplicar por 30 vezes também em 12 meses;
  • O último Halving, de 2021, fez com que o Bitcoin alcançasse uma multiplicação de 7,8 vezes naquele ano.

Naturalmente, retornos passados não garantem retornos futuros. Contudo, trata-se de uma evidência empírica de que o Halving possui forte correlação com a valorização do Bitcoin.

Agora, imagine o que pode acontecer desta vez, em que um novo ETF de Bitcoin foi aprovado no mesmo ano em que teremos o novo Halving. A demanda pela criptomoeda tende a aumentar ao passo que a quantidade de novos bitcoins minerados cairá pela metade.

A combinação desses fatores pode sim fazer com que o Bitcoin se valorize, mas o segredo para quem quer transformar a vida financeira não está apenas na valorização do Bitcoin. 

Observe que, embora sejam recorrentes, a magnitude das valorizações do Bitcoin a cada Halving só diminui. Isso acontece, pois, com o tempo, o Bitcoin começou a se tornar grande e conhecido demais para se multiplicar por centenas ou milhares de vezes novamente.

A grande vantagem para os investidores de criptomoedas que querem lucrar com o Halving não está mais apenas no Bitcoin, mas sim nas criptomoedas menores do que ele.

De 2015 a 2017, o Bitcoin subiu 8.000%, uma valorização muito boa. Mas sabe o que aconteceu com as moedas menores no mesmo período? Elas subiram, em média, 136.000%. Você precisaria de apenas 750 reais para se tornar milionário. 

Depois, 2018 a 2021, enquanto o Bitcoin subiu 1.755%, as moedas menores, de novo, subiram na média 17.555% no mesmo período. Consegue perceber a diferença? E, melhor, consegue perceber que até mesmo o retorno de 1.000% entregue por estas criptomoedas é pequeno?

Investindo apenas em Bitcoin é possível ganhar um belo dinheiro, mas você não vai conseguir mudar de vida. Já em criptomoedas menores isso é possível.

ESTA LISTA DE CRIPTOMOEDAS PODE TE DEIXAR MILIONÁRIO; VEJA AQUI

Veja a lista completa de criptoativos capazes de formar novos milionários 

Foi justamente pensando em tentar deixar o máximo dos seus seguidores ricos, que a equipe de cripto comandada por Paulo Camargo montou essa nova lista de criptomoedas.

A ideia não é ficar milionário em uma semana, um mês ou até mesmo em um ano. Isso pode acontecer? Sim, claro. Como você viu aqui, o mercado de criptomoedas é extremamente volátil e as valorizações acontecem de maneira intensa e imprevisível.

No último ciclo de alta, por exemplo, tivemos exemplos de criptomoedas indicadas pela casa de análise valorizando 31.000% em apenas 10 meses (Relatório “O token que dá jogo”, de 21/01/2021). Dessa vez, as criptomoedas já começaram a saltar novamente.

Uma das ‘estrelas’ da carteira de cripto chefiada por Paulo decolou 1.000% nos últimos 12 meses e, ao que parece, pode estar pronta para apresentar novos saltos.

Para conferir a carteira completa do especialista, basta clicar nesse botão, fazer um cadastro e seguir as orientações passadas no e-mail. 

Quem seguiu as recomendações da equipe chefiada por Paulo pôde ficar milionário em menos de 1 ano. Quem sabe o mesmo não possa acontecer agora.

O post Empiricus indica criptomoeda ligada à Inteligência Artificial que disparou de US$ 0,20 para US$ 2 em 12 meses apareceu primeiro em Empiricus.

advertising