advertising

Ações Europeias em Alta: Tecnologia Lidera após Rali em Wall Street e Antes de Decisão do BCE

Ações Europeias em Alta: Tecnologia Lidera após Rali em Wall Street e Antes de Decisão do BCE

Nesta segunda-feira, as ações europeias experimentaram uma ascensão, com os papéis de tecnologia liderando o movimento positivo, impulsionados por um rali em Wall Street que levou o índice S&P 500 a atingir novas máximas históricas. Esse cenário ocorre enquanto os investidores aguardam a decisão de política monetária do Banco Central Europeu (BCE) prevista para esta semana.

advertising

O índice pan-europeu STOXX 600 (SXXP) encerrou o dia com um ganho de 0,77%, atingindo 472,86 pontos, revertendo a queda de 1,5% registrada na semana anterior. Ao mesmo tempo, o índice S&P 500 (SPX) alcançou um pico nesta segunda-feira, superando o recorde estabelecido na semana passada, impulsionado pelo aumento nas ações de fabricantes de chips dos Estados Unidos e empresas de tecnologia.

No setor de tecnologia na zona do euro, os papéis apresentaram uma elevação de 2,1% nesta segunda-feira, liderando os ganhos entre os índices setoriais. Destaque para a ASML Holdings (ASML), que registrou um aumento de 3,1% após a elevação da recomendação pela Bernstein, passando de “market-perform” para “outperform”.

Os rendimentos dos títulos públicos em toda a Europa mostraram recuo, com o título alemão de referência de dez anos (DE10YT=RR) situando-se em 2,26%.

A expectativa dos investidores concentra-se na decisão de política monetária do BCE agendada para quinta-feira, buscando pistas sobre possíveis cortes nas taxas de juros no futuro. Analistas do Citi destacam a relevância das projeções de inflação do BCE para as decisões de política monetária, indicando que um cenário de inflação acima de 2% para 2025 pode fortalecer a resistência a cortes nas taxas de juros. No entanto, se essas projeções ficarem abaixo de 2%, a pressão para flexibilizar a política monetária pode se tornar inevitável, possivelmente em junho.

advertising

Os operadores já incorporaram nos preços a expectativa de um corte de aproximadamente 1,30 ponto percentual nas taxas de juros este ano, com uma probabilidade de 96% de que o primeiro corte ocorra em junho.

Nos mercados europeus, os principais índices apresentaram os seguintes movimentos:

  • FTSE 100 (Londres): +0,35% para 7.487,71 pontos.
  • DAX (Frankfurt): +0,77% para 16.683,36 pontos.
  • CAC-40 (Paris): +0,56% para 7.413,25 pontos.
  • FTSE/Mib (Milão): -0,33% para 30.182,32 pontos.
  • Ibex-35 (Madri): +1,11% para 9.968,10 pontos.
  • PSI20 (Lisboa): +0,35% para 6.335,69 pontos.

Esses movimentos refletem a dinâmica do mercado europeu diante das expectativas relacionadas à política monetária e do desempenho positivo no setor de tecnologia.

advertising