advertising

Ação recomendada em janeiro foi de R$ 11 para R$ 13 em um mês – e pode chegar a R$ 22 em 2024

ações alta ibovespa selic ações
Imagem: Adobe Stock

Existe uma ação listada na Bolsa brasileira que pode sair dos R$ 13 e ir para os R$ 22 ‘com alguma tranquilidade’ em menos de um ano, segundo o chefe de análise da Empiricus Research, Felipe Miranda.

advertising

Os motivos são diversos, mas um deles tem a ver com uma decisão tomada a conta-gotas pelo Banco Central.

Miranda é fundador da maior casa de análise financeira independente do país. Ele é conhecido nacionalmente no país por duas grandes teses que colocaram muito dinheiro no bolso de quem o escutou.

Em 2014, prevendo o  que chamou de ‘Fim do Brasil’, Miranda recomendou a venda da ação da Petrobras e a compra de dólar, que meses depois se valorizaria em 150%, enquanto PETR4 despencaria com os escândalos do Petrolão.

Logo em seguida, prevendo oportunidade de compra depois da queda da Bolsa, ele criou a carteira ‘Oportunidades de Uma Vida’, que acumula ganhos superiores a 400% desde sua criação, em setembro de 2015.

advertising

Agora, ele acredita que existe uma ação listada em Bolsa que pode quase dobrar nos próximos meses.

A ação já disparou 20% nos últimos 30 dias e agora deve andar ainda mais 

A projeção, na realidade, foi feita em dezembro de 2023. Na época, os papéis da ação em questão custavam apenas R$ 11. 

Miranda estava tão certo de que a ação estava demasiadamente descontada que afirmou em um podcast que, se a empresa apresentasse uma Black Friday e um Natal bom em termos de vendas, a ação poderia dobrar com alguma facilidade.

‘Se a empresa tiver de fato apresentado uma boa Black Friday e apresentar um bom Natal, isso pode ser transformacional para a companhia. Estou falando de [a possibilidade da cotação da ação se] multiplicar por dois em doze meses com alguma facilidade’ – afirmou Miranda

E, ao que parece, a projeção do analista tinha fundamento. Nos últimos 30 dias, a empresa disparou dos R$ 11 para R$ 13, registrando 20% de alta.

É verdade que ainda falta muito para que a companhia alcance os R$ 22, mas Miranda e sua equipe estão tão confiantes de que isso pode acontecer que decidiram aumentar o peso da ação no seu portfólio.

Para isso, eles tiraram Weg (WEGE3)  da carteira, uma empresa renomada, e aumentaram o peso nessa companhia.

VEJA A LISTA QUE CONTÉM A AÇÃO CLICANDO AQUI

Empresa pode ser beneficiada com série de decisões do Banco Central

Existem alguns motivos pelos quais o chefe de análise da Empiricus acredita que a ação pode disparar nos próximos meses.

O primeiro deles é pelo desempenho dela no passado. Embora a ação tenha decolado nos últimos 30 dias, ela foi castigada em 2022 por erros operacionais cometidos ao longo do ano e o aumento da aversão ao risco dos investidores por conta da alta das taxas de juros.

Veja que os múltiplos da companhia estão extremamente descontados:

Como você pode ver no gráfico acima, a ação negocia a uma média histórica de 7,2x preço sobre lucro (P/L – Múltiplo comumente utilizado para ver se uma ação está cara ou barata).

Já a média do múltiplo é de 14,78. Ou seja, se ela apenas voltar para o patamar ‘normal’, estamos falando de dobrar o preço.

Esse desconto ocorreu porque a empresa, antes considerada premium pelos investidores, hoje é avaliada como um case de turnaround (processo de uma empresa que está passando por dificuldades financeiras), o que aos olhos de Miranda parece exagerado pela qualidade de seus ativos e histórico de execução. 

Afinal, o ciclo de alta nas taxas de juros do país chegou ao fim, dando espaço para uma política monetária de afrouxamento, aumentando o apetite de risco dos investidores. O que nos leva para o segundo ponto pelo qual o analista acredita na tese.

A empresa em questão é do varejo e, por consequência, bem sensível aos juros do país.

Isto é, quando os juros sobem, as ações do denominado ciclo doméstico (como é o caso das varejistas) sofrem mais pela perda de poder de compra da população.

Porém, quando o juros começam a cair, as empresas desse segmento, que geralmente são castigadas na Bolsa após o aumento dos juros, apresentam desempenho superior em relação ao de outras ações.

É por isso que as decisões recentes do Banco Central de baixar os juros ajudam a companhia. Acabamos de ter mais uma reunião do Copom em que a decisão foi reduzir os juros em meio ponto percentual.

A taxa, que chegou ao patamar de 13,75%, atualmente está em 11,25%, com a possibilidade de cair ainda mais nas próximas reuniões –  a projeção do Focus para o fim de 2024 é de 9%.

Isso é bom para a companhia e a disparada recente é um grande exemplo disso. O mercado já havia castigado muito as ações da empresa e, no menor sinal de melhora, ela já começou a decolar.

Agora, Miranda e sua equipe estão otimistas com o ano da companhia. Como disse, o analista acredita que ela pode disparar até R$ 22.

‘Portanto, resumindo, [a empresa] está bem posicionada para aproveitar um ambiente macroeconômico mais propício, especialmente devido às taxas de juros mais baixas. A empresa está passando por um período de resultados bastante promissores e é provável que vejamos um aumento nas previsões de lucro para a companhia. Além disso, ela está sendo negociada a um valuation ainda muito atrativo, indicando um potencial significativo de valorização no decorrer do ano. – afirma Miranda

Veja o nome da ação que pode disparar dos R$ 13 para os R$ 22

A Empiricus está tão confiante no desempenho da ação que confirmou a ação na carteiramelhores ideias para fevereiro’.

Ao total, são 10 ações negociadas na Bolsa brasileira. Ou seja, Miranda fez uma análise criteriosa para selecionar essas empresas, já que hoje há mais de 400 empresas listadas em Bolsa.

A Empiricus acredita que os investidores que possuírem esses papéis em mãos hoje poderão ganhar um bom dinheiro.

Falando mais especificamente da ação que custa hoje 13 reais: os investidores poderão quase dobrar o dinheiro investido em menos de 12 meses.

Para conhecer a lista completa de ações, basta clicar aqui e fazer um cadastro gratuito. O relatório com o nome de todas as ações será encaminhado para o seu email imediatamente.

Você pode conhecer cada uma das teses e decidir depois se quer realmente investir nelas. 

O post Ação recomendada em janeiro foi de R$ 11 para R$ 13 em um mês – e pode chegar a R$ 22 em 2024 apareceu primeiro em Empiricus.

advertising